Você já deve ter visto por aí diversos sites que não utilizam domínios próprios

Eles geralmente têm endereços mais longos, contendo outras informações além do nome da empresa.

É o caso de endereços que usam plataformas gratuitas de criação de blogs, como: www.suaempresa.wordpress.com, ou www.suaempresa.blogspot.com.

O que acontece é que as plataformas de criação de sites como o Blogger ou WordPress permitem que você coloque seu site no ar sem necessariamente comprar um domínio.

O problema é que isso dá uma aparência amadora ao site e, consequentemente, prejudica a imagem da sua empresa.

Nós, da Botucatu Host, acreditamos que você precisa ter um domínio próprio – até porque isso custa muito pouco. Sabendo da importância, listamos os principais motivos para que você entenda:

  1. Credibilidade
    Um domínio próprio traz muito mais profissionalismo, demonstrando que sua empresa é séria.

Seus clientes em potencial saberão que você investiu para que a experiência deles no site seja a melhor e mais segura possível.

  1. Divulgação
    Divulgar um domínio simples e que vai direto ao ponto é muito mais fácil, tanto no boca a boca quanto na própria web.

Seu endereço será mais curto e você ainda poderá escolher uma extensão compatível com sua área de atuação.

Por exemplo, empresas da área de educação podem optar pela terminação “.edu” em seus sites.

  1. Memorização
    Um endereço próprio também é muito mais fácil de lembrar.

Isso pode aumentar o seu volume de tráfego direto, aquele em que os usuários digitam o nome do seu site direto na barra de endereços do navegador, como o Google Chrome ou o Firefox.

  1. Alcance nas redes de pesquisa
    As redes de busca, como o Google ou Bing, dão preferência para quem possui domínio próprio. Isso significa que seu site estará melhor ranqueado nas pesquisas (assim como todas as páginas dentro dele).

O resultado é que você vai receber mais acessos, ampliando as oportunidades de negócios.

  1. E-mail próprio
    Com um domínio registrado você pode ter e-mails personalizados para o seu negócio (por exemplo: nome@suaempresa.com.br).

Isso também dá um toque muito mais profissional na sua comunicação com clientes e prospectos, além de evitar misturar a caixa de entrada pessoal com a profissional.

  1. Proteção da marca
    Muita gente esquece desse ponto, mas o fato é que qualquer pessoa pode registrar um domínio com o nome da sua marca.

Para se proteger, naturalmente, você deve fazer o registro antes de qualquer outra empresa.

Isso é fundamental para garantir o posicionamento e a reputação da sua organização na internet.

  1. Customização do site
    Como comentamos, algumas plataformas gratuitas de criação de sites oferecem também domínios grátis (com o nome deles incluso).

Um dos grandes problemas é que, ao optar por uma dessas versões, você sempre estará sujeito às limitações que a plataforma impõe.

Isso inclui não poder customizar o seu próprio site da maneira que quiser.

  1. Ausência de anúncios indesejados
    Outro inconveniente das plataformas que citamos acima é que, muitas vezes, elas exibem anúncios publicitários sem que você deseje.

Isso acontece para cobrir os custos do serviço que é oferecido gratuitamente.

Porém, quem sofre as consequências é você, já que a navegação e a experiência do usuário no site ficarão prejudicadas.

  1. Independência
    Quando você é dono do seu próprio domínio, pode fazer o que bem entender com os conteúdos e arquivos que estão no seu site.

Você pode mudar de plataforma – do Blogger para o WordPress, por exemplo – sem perder os links nem as visitas que já recebe periodicamente.

Isso não é possível caso o seu domínio esteja vinculado ao nome de um serviço.

Se o seu site for “suaempresa.blogspot.com”, ao fazer a migração para outra plataforma você terá que começar do zero.

Caso você copie o conteúdo do site antigo, o novo site ainda pode ser considerado plágio pelo Google e outros motores de busca.

  1. Baixo custo
    Registrar um domínio é bem mais barato do que muita gente pensa, custando a partir de R$ 40,00 ao ano.

Ótimo incentivo para começar, não é mesmo?